domingo, 16 de novembro de 2014

DIASPORA volta ao Brasil com o tubista Andreas Hofmeir e se apresenta dia 25 de novembro no teatro CIEE em São Paulo

Diaspora Mousiké é um projeto cultural que tem como objetivo a ação artística acompanhada de discussão histórica e social de fenômenos de Diáspora em várias culturas.

Andreas Hofmeir, tubista alemão
Guto Brinholi, maestro brasileiro
















As jornadas e eventos culturais do projeto convidarão personalidades e artistas de distintas origens nacionais que viveram a realidade da migração, as questões de inserção e adaptação a novas culturas, que passaram por transformações e situações de manutenção e a dispersão de tradições. A comunicação dessas experiências ocorrerá por meio de palestras e mesas redondas seguidas de apresentações artísticas que levam em consideração fatores estéticos e simbólicos das culturas em discussão. Assim, num evento sobre movimentos diaspóricos africanos ou sul-americanos, por exemplo, serão convidados imigrantes destes continentes à mesa de debate, e as apresentações artísticas consequentemente terão como tema a África ou a América do Sul. Salienta-se que os artistas escolhidos para as apresentações não serão necessariamente nativos das culturas debatidas, pois é parte do conceito do projeto a interação afetiva e simbólica entre participantes de origens várias, sendo a interpretação artística o emblema dessa interação. Devido à sua mais propriedade mais explícita para a caracterização de culturas nacionais, a música será a forma artística com maior presença nas jornadas do projeto, que também podem contemplar a dança, a literatura, o teatro, as artes plásticas e visuais.

A escolha do nome Diaspora Mousiké ocorre justamente devido ao sentido histórico e abrangente do termo mousiké, a saber, a visão cósmica da Música como reunião de diversas atividades humanas como filosofia, ciência, matemática, dança e poesia além da música propriamente dita - um conceito que está na base da construção do modelo das artes liberais.

DIASPORA ENSEMBLE


Concebido por Gustavo Brinholi, Armando Lôbo e Alípio C. Neto, o Diaspora Ensemble é um grupo de música de câmara com formação mutante, que serve de suporte artístico para o projeto

Diaspora Mousiké. Sua intenção é viabilizar musicalmente toda a multiplicidade estética que o projeto propõe, organizando concertos de música de concerto contemporânea e world music, por vezes fundindo os dois estilos. O grupo faz parcerias com artistas de várias localidades, dando preferência àqueles que deixaram seus países de origem, de acordo com a linha conceitual do projeto.
No caso dos concertos no Brasil, em novembro de 2014, o Diaspora Ensemble se apresentará com a formação de uma orquestra de cordas, com músicos da cena musical paulista, grande parte pertencentes à Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP) sob regência de Gustavo Brinholi e tendo como o solista o alemão Andreas Martin Hofmeir na Tuba.

Diaspora Mousiké Orchestra de Cordas
Local – Sala FUNDEP - Rua Brigadeiro Tobias, 73 – Centro – Sorocaba
Horário – 20h
Ingressos - gratuito

Consulado Geral da Republica Federal da Alemanha São Paulo e o Centro de Integração  Empresa Escola CIEE convidam para apresentação musical Diaspora Mousiké Orchestra de Cordas
Local – Espaço Sociocultural Teatro -  Teatro CIEE
Dia 25.11 – (terça-feira ) 20h
Ingressos – gratuitas e obrigatórias:www.ciee.org.br/portal/eventos
Endereço: Rua Tabapuã, 540 – Itaim Bibi
Telefone: 11 3040-9800 

Nenhum comentário:

Postar um comentário